As excelências do governador apresenta os resultados de uma longa investigação histórica e literária conduzida por Stuart Schwartz, professor titular de história na Yale University, e Alcir Pécora, livre-docente de teoria literária na Unicamp. A pesquisa tem início em 1968, quando Schwartz adquire em Lisboa um manuscrito espanhol inédito, intitulado Vida o paneguirico funebre al Senor Affonso Furtado Castro do Rio Mendonca, assinado por Juan Lopes Sierra e datado de 1676 na "Ciudad de San Salvador Bahia de Todos Los Santos".Investigando em Portugal e no Brasil, Schwartz identificou os principais personagens do manuscrito, que participaram do governo de d. Afonso Furtado, governador do Brasil entre 1671 e 1675. As revelações do manuscrito - cuja transcrição paleográfica se publica pela primeira vez - são decisivas para a compreensão de vários aspectos da história colonial brasileira, como as estratégias do governo da Província face à baixa do mercado internacional do açúcar, as formas de atuação dos paulistas na captura dos índios e, ainda, as intrigas entre os diversos poderes locais e os da Matriz, em relação às notícias de supostas descobertas de minas de prata. Alcir Pécora, por sua vez, examinou a composição retórica do manuscrito, que impressiona pela simetria de suas partes, pela habilidade da elocução de um autor que se diz "rústico", pelo rigor da narração e, sobretudo, pela extensa descrição dos aparatos fúnebres com que se celebravam as exéquias de uma personagem pública importante na Bahia seiscentista.

AS EXCELÊNCIAS DO GOVERNADOR

REF: 9788535902259
R$10,00Preço